dente arrow-options
Arquivo pessoal
"Eu tinha problemas com esse dente havia dois anos. Já tinha ido ao dentista quatro vezes por causa dele", disse o homem



Um inglês, de 33 anos,  arranco u o próprio dente com um alicate, depois de não conseguir uma consulta de emergência no dentista em meio ao isolamento social do coronavírus.

Billy Taylor, 33 anos, de Devon, no Reino Unido passou uma hora trabalhando no dente infeccionado com a ajuda de seu filho de 11 anos, depois que a dor que causava se tornou " excruciante ".

Ele tentou entrar em contato com dentistas e até ligou para o serviço de emergência, mas diz que lhe disseram que não seria atendido a menos que estivesse com dificuldades para respirar.

"Eu tenho problemas com esse dente há cerca de dois anos", disse ele. "Estive no dentista quatro vezes. Sofria de dor de dente e estava ficando cada vez pior. A dor era insuportável ", contou.

"Meu rosto estava inchado e eu tive uma enxaqueca. Acho que foi um abcesso. Ficou muito ruim de noite e o inchaço estava piorando. Fiquei bastante abalado. Pensei: 'Por que não faço isso sozinho ?'", declarou. 

Billy trabalha como instalador de aeronaves e tinha uma série de ferramentas que julgava capazes de fazerem o trabalho, e escolheu em um alicate de torcer fios.

Ele também pesquisou possíveis complicações antes de decidir seguir em frente. Billy, então, bebeu algumas doses de uísque como sedativo e pediu ao filho para vigiar, caso ele desmaiasse.

dente arrow-options
Arquivo pessoal
Billy Taylor arrancou seu próprio dente com um alicate depois de não conseguir uma consulta de emergência


"Demorou cerca de uma hora. O processo foi realmente doloroso. Mas posso aguentar muito", afirmou Billy. 

O inglês disse que sua dor desapareceu quase instantaneamente depois que o dente saiu, mas acrescentou: "Eu provavelmente não recomendaria, a menos que você saiba o que está fazendo".

A British Dental Association alertou que o isolamento contínuo do coronavírus pode levar as pessoas a tomar medidas drásticas se os dentes lhes causarem dor. Segundo o Serviço Nacional de Saúde do Reino Unido (NHS), há um processo de criação de centros de atendimento odontológico urgentes em toda a Grã-Bretanha.



    Veja Também

      Mostrar mais