Leoa
shutterstock
Causas do acidente ainda não foram confirmadas pelas autoridades.

Uma funcionária de uma reserva ambiental privada na África do Sul morreu após ser atacada por um grupo de leões. Swans van Wyke, de apenas 21 anos, estava dentro da jaula dos felinos no momento do acidente fatal.

Leai também: Menor cavalo do mundo mede 56 centímetros e entrou para o Guinness

Segundo o jornal Daily Star, a funcionária chegou a sair viva da jaula dos leões , mas não resistiu aos ferimentos e morreu perto do local. A quantidade de felinos envolvidos no ataque ainda não foi confirmada, assim como as razões que motivaram a ação dos animais.

Entre os ferimentos encontrados no corpo de Van Wyke estavam marcas de mordidas e de garras dos animais. A reserva está fechada desde o incidente e o futurio dos leões ainda é incerto.

    Veja Também

      Mostrar mais