Tamanho do texto

Polícia de Gotemburgo foi chamada após o macaco fêmea aparecer no restaurante e comer tudo o que via pela frente, principalmente batatas fritas

O macaco foi fotografado pelos outros consumidores do McDonald's e suas imagens viralizaram na internet
Reprodução/Mirror
O macaco foi fotografado pelos outros consumidores do McDonald's e suas imagens viralizaram na internet

Um macaco da espécie mico-de-goeldi escapou de um zoológico em Gotemburgo, na Suécia, na noite dessa quarta-feira (29). De acordo com o portal britânico Mirror , o paradeiro do pequeno primata foi facilmente solucionado quando a polícia recebeu a ligação de uma unidade do McDonald’s, onde o animal decidiu fazer uma ‘visita’.

Leia também: Rebanho de vacas ajuda polícia a prender mulher fugitiva; assista ao vídeo

O macaco entrou em uma loja da rede de fast-food e, 'sem se importar com formalidades', começou a comer todas as batatas fritas e maçãs que encontrou pelo caminho. Os outros consumidores – humanos – do restaurante ficaram chocados com o caso e avisaram à administração, que logo chamou as autoridades locais.

Os oficiais conectaram o caso com a denúncia do zoológico Universeum, um centro recreativo científico, que pouco antes havia reportado o desaparecimento do mico-de-goeldi fêmea, acreditando que o animal tinha sido sequestrado. Assim, avisaram os responsáveis do local e todos se dirigiram ao McDonald’s para resgatar a pequena fugitiva.

Antes de ser levada para sua casa, porém, ela se tornou a personagem principal de diversas fotos e vídeos que os presentes registraram e publicaram nas redes sociais. “Vejo que ali havia a comida preferida dos macacos”, um deles escreveu na legenda da imagem.

Leia também: Idosos fogem de casa de repouso para ir até festival de heavy metal na Alemanha

“O macaco nem mesmo passou molho nas batatas”

A polícia está investigando se o macaco foi levado até o restaurante por alguém ou andou até lá sozinho
Reprodução/Mirror
A polícia está investigando se o macaco foi levado até o restaurante por alguém ou andou até lá sozinho

O porta-voz da polícia Peter Nordengard disse: “acreditamos que esse é o mesmo que fugiu do Universeum, mas creio que não existam tantos macacos assim por aí neste momento. Vamos ter que investigar para saber se alguém a levou até o restaurante, o que é a hipótese mais plausível”, explicou e ainda bricou: “ela nem mesmo passou molho béarnaise nas batatas fritas”.

“Felizmente nossa visitante inesperada agora está sã e salva no zoológico . Por mais que não seja uma situação que nossa equipe encontra todos os dias, eles receberam os agradecimentos do pessoal do zoológico por cuidarem dela”, falou um porta-voz da rede de fast food.

Leia também: Trio rouba tubarão de aquário nos EUA e foge com animal em carrinho de bebê

O mico-de-goeldi é um macaco  nativo da América do Sul que, de pelos negros, mede de 15 a 20 centímetros e está correndo risco de extinção.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.