Manifestantes invadem palácio presidencial do Sri Lanka
Reprodução Twitter
Manifestantes invadem palácio presidencial do Sri Lanka

O presidente do Sri Lanka, Gotabaya Rajapaksa, fugiu de sua residência oficial neste sábado (9), na capital Colombo, após o local ter sido cercado por milhares de manifestantes que protestavam contra a crise econômica no país.

Vídeos transmitidos nas redes sociais mostram centenas de pessoas caminhando pelos cômodos do palácio presidencial e até pulando na piscina do complexo.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo. Siga também o perfil geral do Portal iG .

Pouco antes, seguranças haviam disparado no ar para afastar a multidão enquanto Rajapaksa era retirado do local em segurança.

Uma fonte militar disse à agência AFP, em condição de anonimato, que o presidente está em um lugar "seguro" e continua no cargo.

No entanto, o primeiro-ministro Ranil Wickremesinghe, que está no posto há apenas dois meses, disse estar disposto a renunciar para abrir caminho para a formação de um governo de união nacional que aplaque a crise política.

Com cerca de 22 milhões de habitantes, o Sri Lanka enfrenta sua pior crise econômica desde sua independência do Reino Unido, em 1948, com inflação galopante, blecautes recorrentes e escassez de combustíveis e itens alimentares.

O país já deu um calote de US$ 51 bilhões em sua dívida externa e agora busca um resgate do Fundo Monetário Internacional (FMI).

Em maio, a repressão a protestos contra o governo já havia deixado nove mortos, forçando a renúncia do premiê Mahinda Rajapaksa, irmão do presidente.

Vídeos:



    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários