Evacuação de civis na Azovstal
Reprodução/Ansa - 02.05.2022
Evacuação de civis na Azovstal

 Mais 50 pessoas, incluindo mulheres, crianças e idosos, deixaram a siderúrgica Azovstal, na cidade de Mariupol neste sábado (7), informou a sede de defesa territorial da autodeclarada República Popular de Donetsk, citada pela agência Interfax.

"Cinquenta pessoas foram evacuadas hoje da siderúrgica Azovstal em Mariupol", disse o comunicado, acrescentando que o número total de civis retirados do local chegou a 176. Ontem, outros 50 civis já haviam sido evacuados.

Já conhece o canal do Último Segundo no Telegram ? Entre e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.

No entanto, de acordo com a vice-primeira-ministra ucraniana, Iryna Vereschuk, citada pela Interfax Ucrânia, os moradores de Mariupol não puderam ser reunidos no caminho de volta perto de Port City devido à violação do cessar-fogo pelos russos.

A região na cidade portuária tem sido frequentemente bombardeada, e dezenas de civis estão presos há semanas ao lado das forças ucranianas restantes que se mantêm na siderúrgica. Hoje, inclusive, a retirada dos civis foi encerrada após novos ataques russos, informou a vice-premiê.

Segundo Vereschuk, a evacuação dos civis continuará amanhã. "Peço sinceras desculpas ao povo de Mariupol que esperou em vão pelos ônibus de evacuação hoje. Devemos poder fazer isso amanhã. Nos reunimos perto de Port City às 17h", disse ela.

A cidade de Mariupol é considerada alvo-chave da ofensiva de Moscou para unir as áreas sob seu controle no leste e no sul do país.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários