Talibã
Reprodução
Talibã

Quase 60% dos afegãos obrigados a fugir de casa em 2021 por causa do avanço do Talibã são crianças, segundo dados divulgados nesta quarta-feira (25) pelo Escritório das Nações Unidas para a Coordenação de Assuntos Humanitários (Ocha).

O órgão aponta que o número de deslocados forçados no Afeganistão em 2021 é de quase 550 mil, sendo mais de 400 mil apenas desde o início de maio. Esse número ainda tende a aumentar, uma vez que o Talibã reassumiu oficialmente o controle de quase todo o país, incluindo a capital Cabul.

O avanço do grupo fundamentalista foi possibilitado pela retirada das tropas dos Estados Unidos e da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan), que agora correm contra o tempo para evacuar o maior número possível de civis até 31 de agosto, prazo máximo estipulado pelo Talibã.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários