Guardia Civil
Reprodução: Google/licenciávies
Guardia Civil

Autoridades de Madri anunciaram nesta terça-feira, (3), que uma idosa de 79 anos, nascida na Espanha, foi presa em Portugal. Segundo a Guarda Civil, a mulher chefiava uma organização de tráfico de drogas. 

A senhora, de identidade não divulgada, era chefe de um grupo que importava cocaína da República Dominicana para Portugal.

Durante uma operação das forças portuguesas e espanholas, a mulher foi detida em Vila Real, no norte do Portugal. Com ela, estavam outros dois homens espanhóis, de 26 e 60 anos.

"Eles introduziam a cocaína na península através dos portos portugueses usando uma empresa legal para importar pedras de coral da República Dominicana", declarou a Guarda Civil em nota.

Você viu?

Segundo os investigadores, as drogas estavam escondidas nas paredes dos contêineres que transportavam as pedras. Os três suspeitos, que atuavam como atacadista para outros traficantes, foram detidos na própria empresa após a inspeção.

Ainda, a Guarda encontrou cocaína na residência do grupo em Portugal.

"A mulher de 79 anos era a líder do grupo, além de ser a cabeça visível e dona da empresa criada como fachada", informou a Guarda Civil.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários