Presidente da Argentina, Alberto Fernández
Reprodução
Presidente da Argentina, Alberto Fernández

Em coletiva com o primeiro-ministro da Espanha, Pedro Sánchez, na Casa Rosada, o presidente argentino, Alberto Fernández , surpreendeu a platéia de jornalistas ao afirmar que "os mexicanos saíram dos índios, os brasileiros saíram da selva, mas nós, os argentinos, chegamos nos barcos, e eram barcos que vinham da Europa, assim construímos nossa sociedade". Veja o vídeo abaixo.

O presidente argentino cometeu, ainda, um erro sobre a frase original que o inspirou em sua polêmica declaração. Segundo Fernández, a frase original teria sido dita pelo escritor, Prêmio Nobel da Paz e diplomata mexicano Octávio Paz. A ele é atribuída o seguinte comentário: "os mexicanos são descendentes de aztecas, os peruanos dos incas e os argentinos dos barcos".

No entanto, esclareceram meios de comunicação locais e confirmaram fontes do governo argentino, a frase dita pelo chefe de Estado vem de uma música do cantor argentino Litto Nebbia, de quem o presidente argentino é fã declarado, que diz exatamente o que foi expressado por Fernández: "os brasileiros saem da selva, os mexicanos dos índios e nós, os argentinos, chegamos nos barcos".

A gafe cometida pelo presidente argentino viralizou nas redes sociais, onde rapidamente começaram a circular memes mostrando, por exemplo, pretos e indígenas vestindo camisetas de países latino-americanos e, no mesmo grupo, o ator americano Brad Pitt usando a camiseta argentina.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários