Índia sofre com explosão de contaminações e mortes por Covid-19
Reprodução
Índia sofre com explosão de contaminações e mortes por Covid-19

A Índia vive seu pior momento desde o início da pandemia de Covid-19. Com 330 mil contaminações nas últimas 24 horas, o sistema de saúde do país está entrando em colapso e hospitais já enfrentam problemas para adquirir oxigênio e outros insumos necessários para atender pacientes graves infectados pelo novo coronavírus. As informações são do Estadão.

Nesta sexta-feira (23), o número oficial de mortes ocorridas no país foi superior a 2,2 mil, o que representa um novo recorde no país.

Na capital Nova Délhi, que tem mais de 20 milhões de habitantes, mais da metade dos casos são de uma variante mais contagiosa detectada no país no final de 2020. Ela tem potencial maior de causar doença grave em pessoas mais jovens, segundo Sujeet Singh, funcionário do Ministério da Saúde.

O governo de Délhi impôs um lockdown de uma semana, afastando milhares de indianos de seu único método de obter sustento Assim, muitos estão acampados nas margens do Rio Yamuna, onde conseguem doação de comida em um templo local.

O primeiro-ministro da Índia, Narendra Modi, tem sido extremamente criticado por sua condução da pandemia. Mesmo com explosão de casos e óbitos, o político não adota medidas restritivas firmes e chegou a permitir a realização de um gigantesco festival hindu em que milhares de peregrinos se aglomeraram.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários