Vacina da PFizer está sendo aplicada em Israel
O Antagonista
Vacina da PFizer está sendo aplicada em Israel

Israel , o país que, proporcionalmente, mais vacinou  contra o novo coronavírus (Sars-Cov-2) até então, deve imunizar 50% da população até o fim de março.

Desde o início da campanha de vacinação no país, em dezembro, até agora, 4 milhões de israelenses já receberam a primeira dose do imunizante feito em parceria entre a Pfizer e a BioNTech. Este número representa 43% da população.

Desses 4 milhões, 30% já receberam a segunda dose, sendo 80% delas pessoas do grupo de risco , pessoas com mais de 60 anos.

No país, a imunização para maiores de 16 anos já está liberada, e caso o ritmo atual se mantenha, Israel terá aplicado duas doses em 50% da população até o fim de março.

Os efeitos da vacinação já podem ser observados no país. O número de casos sintomáticos entre as pessoas que estão imunizadas contra Covid caiu 93%, segundo uma seguradora de saúde.

Apesar disso, o número de novos casos entre pessoas menores de 60 anos no país segue em alta. Desde o início da pandemia, essa é a primeira vez em que há mais pessoas abaixo da faixa etária de 60 anos sendo atendidas em hospitais do que idosos.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários