,
Andrew Harnik/AP
Joe Biden fala sobre o novo coronavírus no teatro Queen em Wilmington, Delaware


Mais de 50 milhões de americanos votaram nas  eleições presidenciais em 11 dias, um ritmo que pode levar ao maior comparecimento em mais de um século, de acordo com dados do Projeto Eleições dos EUA.


O fato impressionante é um sinal de intenso interesse na disputa entre Donald Trump e Joe Biden , bem como o desejo dos americanos de reduzir o risco de exposição à Covid-19, que já matou mais de 221 mil pessoas no país.

Muitos estados expandiram a votação pessoalmente antecipada e as cédulas pelo correio antes do dia das eleições, em 3 de novembro, como uma forma mais segura de votar durante a pandemia .

O alto nível de votação antecipada levou Michael McDonald, professor da Universidade da Flórida, que administra o Projeto Eleições dos EUA, a prever um comparecimento recorde de cerca de 150 milhões , 65% dos eleitores elegíveis, o maior desde 1908.

Nesta sexta-feira (23), Trump faz comícios no estado da Flórida, onde as pesquisas de opinião mostram uma disputa acirrada. Já Biden fará um discurso em seu estado natal, Delaware, sobre seus planos para liderar a recuperação da pandemia.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários