.
MANDEL NGAN /GETTY IMAGES
Presidente Trump na Casa Branca em Washington, durante um comício em 10 de outubro de 2020


Funcionários da  Casa Branca estão apoiando uma petição - supostamente assinada por milhares de médicos - que abraça a ideia de "imunidade de rebanho" para lidar com o novo coronavírus . No entanto, a validade do documento está sendo questionada , já que muitos dos nomes que aparecem nele seriam de médicos falsos e baseados em piadas.


O grupo de indivíduos que o assinou o documento afirma que a melhor forma de lidar com a Covid-19 não é por meio de distanciamento social ou outras medidas restritivas, mas deixando que jovens saudáveis ​​contraiam o vírus para atingir um número limite de imunidade, enquanto protegem populações mais velhas e vulneráveis.

A petição teria cerca de 9 mil assinaturas . No entanto, uma inspeção mais detalhada do documento revelou que muitos dos nomes são provavelmente falsos.

O que é imunidade do rebanho?

A imunidade do rebanho funciona fazendo com que uma proporção tão alta de indivíduos contraia um vírus ou doença que o contágio não possa se espalhar de forma eficaz porque a maioria da população desenvolveu anticorpos.

As vacinas funcionam de maneira semelhante, mas o tipo de imunidade coletiva promovida pela Casa Branca está indo em uma direção diferente , com a ideia de que um limite de segurança pode ser alcançado de forma natural sem a ajuda de uma vacina.

Os principais autores da petição agora citados pela Casa Branca , Sunetra Gupta e Gabriela Gomes, acreditam que a imunidade coletiva pode ser alcançada com uma taxa de infecção de 10% a 20%.

No entanto, a maioria dos epidemiologistas discorda dessa ideia , já que muitas vacinas sozinhas exigem que mais de 90% da população tenha anticorpos para serem eficazes. O limite para o sarampo, por exemplo, é estimado em 94%.

A maioria dos especialistas também acredita que a porcentagem da população dos Estados Unidos que foi exposta ao novo coronavírus está mais próxima da faixa de 10%. "Mais de 90% da população permanecem suscetível à Covid-19, disse o diretor do Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) dos EUA, Robert Redfield, no mês passado.

Em suma, a imunidade de rebanho é uma estratégia que provavelmente deve ser evitada ao tentar combater o novo coronavírus , na mente da maioria dos especialistas, já que pode levar a centenas de milhares de mortes adicionais se for amplamente adotada. No entanto, é uma estratégia que a Casa Branca parece ter adotado como seu método principal de lidar com a pandemia.


    Veja Também

      Mostrar mais