gemeos
Reprodução/Youtube
Durante 68 anos, os gêmeos viveram cara a cara, unidos do esterno à virilha com apenas um conjunto de órgãos digestivos inferiores


Os gêmeos siameses mais velhos do mundo  morreram aos 68 anos no asilo em que viviam, no dia 4 de julho, nos EUA.

Ronnie e Donnie Galyon, de Ohio, permaneceram unidos pelo abdômen desde o nascimento , em outubro de 1951, quando os médicos consideraram arriscado demais separá-los. 


A união seguia do esterno à virilha com apenas um conjunto de órgãos digestivos inferiores. Mas cada um deles nasceu com corações e estômagos separados e tinha seu próprio conjunto de braços e pernas.

Após o seu 63º aniversário em 2014, o Guinness World Records considerou ambos os gêmeos siameses mais velhos de todos os tempos .

Ronnie e Donnie chegaram a fazer uma turnê pela América do Norte com um circo para sustentar a família. Eles se aposentaram do entretenimento em 1991.


    Veja Também

      Mostrar mais