Shinzo Abe
Reprodução/Japan Kantei
Primeiro-ministro Shinzo Abe

Segundo o Ministério da Saúde do Japão, apenas 0,1% da população de Tóquio contraiu o novo coronavírus (Sars-CoV-2), revelando que a doença não se alastrou como esperado. O estudo toma como base os anticorpos que neutralizam o vírus, que ainda se manifestam no organismo após a recuperação da doença.

LEIA MAIS: Nova Zelândia registra dois novos casos de Covid-19 após 24 dias

Cerca de 2 mil japoneses foram testados. O estudo levantou dúvidas sobre o verdadeiro alastramento do novo coronavírus na região. As autoridades de saúde reportam que 5 mil pessoas contraíram o vírus, mas considerando a taxa de incidência de 0,1%, o número deveria ficar na faixa de 14 mil. 

Um estudo semelhante foi conduzido em Londres (Inglaterra), onde 17% da população testou positivo para os anticorpos que combatem o novo coronavírus. Ainda em maio, outro estudo identificou que 20% da população de Nova York (EUA) teria contraído o vírus, enquanto na Espanha, estima-se que 5% de toda a população contraiu o vírus.

Até o momento, o Japão reportou 17,587 casos de Covid-19, com 927 mortes causadas pela doença. No começo do ano, o cruzeiro japonês Diamond Princess ficou de quarentena na província de Yokohama. Entre passageiros e tripulantes, 712 pessoas testaram positivo para o novo coronavírus e 13 pessoas morreram. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários