golfinhos
Reprodução/Facebook / Barnacles Cafe & Dolphin Feeding
Golfinhos sentem falta de humanos na quarentena e deixam "presentes"

Os golfinhos que frequentam Tin Can Bay, um popular destino turístico na Austrália, estão sentindo "saudade" dos humanos que despareceram da localidade durante a quarentena por causa do novo coronavírus . Os animais, agora solitários, estão deixando "presentes" na areia para os humanos que costumavam interagir com eles e alimentá-los.

Leia também: Idoso de 82 anos é detido após "brincadeira sexual" terminar na morte do amante

Os "presentes" são, na maioria, esponjas, garrafas plásticas cobertas de cracas e fragmentos de coral, disse um voluntário de projeto ambiental à emissora 7News.

"Nada no comportamento dos golfinhos me surpreende mais", comentou Barry McGovern, que faz mestrado na Universidade de Queensland. "Eles fazem tudo, usam ferramentas, têm cultura, eles têm algo semelhante a nomes em assinaturas com assovios", acrescentou o especialista em golfinhos.

Leia também: Após subir escadas, égua fica “presa” em estação de trem no Rio

Barry fez uma ressalva: "Eles provavelmente não sentem falta dos humanos. Eles sentem falta da comida grátis e da rotina."

    Veja Também

      Mostrar mais