soldado espanhol usa máscara
Ministério da Defesa da Espanha
Quarentena segue na Espanha até 24 de maio


Foi aprovada hoje, 06, a extensão das medidas de isolamento social na Espanha. É a quarta vez que o Parlamento do país declara estado de emergência por conta da pandemia do novo coronavírus. O novo período de quarentena deve durar até o dia 24 de maio.

Decisão acontece um dia depois de informar que casos estão estabilizados . A primeira vez que o país declarou estado de emergência para frear Covid-19 foi em 14 de março. As medidas foram estendidas pela primeira vez no mesmo mês, treze dias depois.

Leia também: Covid-19: número diário de mortos volta a subir na Itália

A quarta extensão teve 178 votos contra 75. Entre as 97 abstenções está o PP, principal partido de oposição atualmente. Políticos fizeram críticas severas às medidas de isolamento impostas pelo primeiro-ministro, Pedro Sánchez.

As acusações são de que a quarentena é de viés socialista e de que a população está sendo privada de seus direitos fundamentais, “mantida como refém”.

Para a CNN, Sánchez chegou a fazer negociação de votos para conseguir que mais pessoas aprovassem a extensão do período de isolamento social . Porém, estratégia foi pensada às pressas.

Para a oposição, Sánchez defende que essas medidas estão, sim, privando a mobilidade e a reunião de pessoas, porém para que a saúde pública e a vida sejam preservadas. Ele afirmou que é essencial que o estado de emergência seja adotado até que seja seguro retomar a realidade.

O primeiro-ministro afirma ainda que reabrir o estado sem planejamento e com rapidez seria “um erro absoluto, total e imperdoável”.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários