avião pegando fogo
Comitê investigativo de Sheremetyevo / Reprodução
Imagens de avião pegando fogo fora divulgadas pelo comitê investigativo

Um comitê investigativo de um acidente com avião que deixou 41 pessoas mortas no mês de maio de 2019 divulgou nesta quarta-feira (15) imagens inéditas da aeronave pegando fogo no Aeroporto Internacional de Sheremetyevo, em Moscou.

As imagens foram divulgadas junto ao veredito do comitê, que decidiu indiciar o piloto da aeronave, Denis Evdokimov, de 42 anos, por violação de regras de segurança que teriam causado o acidente. Ele fez o pouso de emergência pouco após decolar, quando o avião foi atingido por um raio.

Leia também: Tosse gera briga entre passageiros dentro de avião; assista

Em entrevista dada ao jornal britânico Metro, a defesa de Denis afirmou que o piloto está "sendo vitimizado para proteger a reputação da Superjet, empresa russa de aviação que já enfrentaria rumores de problemas de segurança. Enquanto o piloto afirma que o avião “não respondeu aos comandos” dele, o comitê afirma que ele pousou em um ângulo errado, causando as mortes.

A defesa de Denis afirmou que o piloto está "sendo vitimizado para proteger a reputação da Superjet, empresa russa de aviação que já enfrentaria rumores de problemas de segurança. A pena máxima aplicada ao piloto pode ser de 7 anos.

Veja, abaixo, vídeo do pouso do avião:


    Veja Também

      Mostrar mais