Coreia do Sul
Agência Brasil/Marcello Casal JR
Entre países afetados pela Covid-19, a Coreia do Sul demonstra as melhores medidas contra o novo vírus

Os países que contiveram o surto do novo coronavírus (Sars-CoV-2) enfrentam complicações relacionadas a pacientes que se recuperaram e voltaram a testar positivo para a doença. Este é o caso da China, conforme anunciado nas últimas semanas, e mais recentemente da Coreia do Sul , com 116 casos registrados nesta segunda-feira (13).

LEIA MAIS: Mais de 1,5 mil pacientes em SP tiveram alta após contraír Covid-19

Ainda não há consenso na comunidade científica sobre os casos de pacientes que voltaram a testar positivo para a Covid-19. Para o diretor do Centro de Controle de Prevenção de Doenças da Coreia, Jeong Eun-Kyeong, o vírus pode ter sido reativado no organismo dessas pessoas, excluindo uma reinfecção

A afirmação condiz com pesquisas realizadas na China, onde cientistas descobriram que pacientes que testaram negativo para a doença podem acabar desenvolvendo alguns traços do vírus no organismo. Estudos apontam que este tipo raro de paciente não tem carga viral alta ao ponto de infectar outras pessoas. 

O governo coreano mantém as restrições de isolamento entre os habitantes, oferecendo até cestas básicas para que pessoas que tenham tido qualquer contato com um contaminado pela Covid-19.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários