De terça-feira (07) para quarta-feira (08), o Irã registrou quase 2 mil contaminações (1997) do novo coronavírus (Sars-coV-2). Com 62 mil infectados, o país pode ser o próximo a ultrapassar a China (81 mil) em número de casos. Com 3,8 mil mortes, o país já passou os chineses (3,3) neste aspecto. 

Leia também: Covid-19: "teste do vinagre" ajuda a identificar pacientes assintomáticos

coronavírus
Pixabay/Orna Wachman
coronavírus

Enquanto isso, os Estados Unidos registraram nas últimas 24 horas 1,9 mortes por Covid-19 . No mesmo dia o número de infectados chegou a 400 mil, quase meio milhão. O país é o principal epicentro  pandemia  que está prestes a contabilizar 1,5 milhão de casos no mundo. 

Leia também: Covid-19: França é quinto país a ultrapassar marca de 100 mil casos confirmados

Na Espanha, segunda nação que mais sofre com a enfermidade, já são mais 146 mil casos e 14 mil mortes devido ao vírus; também entre os mais afetados, a Itália registra 135 mil infectados e 17 mil mortos. Após o fim da sequência de queda das mortes diárias, o balanço das últimas 24 horas é bastante inferior ao de 2 abril, quando, por exemplo, a Espanha registrava 950 óbitos em um dia.

Na França, foi registrado um aumento de 11 mil casos de ontem para hoje, batendo 109 mil infectados. Próxima da Alemanha, que detém 107 mil doentes, a mortalidade das duas nações se distancia, tendo uma 10,3 mil e outra 2 mil respectivamente.  

Leia também: Walmart enfrenta processo após morte de funcionário por Covid-19

Na China, a situação mostra-se mais controlada. Mesmo sem mortes devido ao novo vírus, o país identificou nas últimas horas novas 33 contaminações.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários