Nasceu, nesta quarta-feira (08), Giullia, filha da primeira pessoa a contrair o novo coronavírus (Sars-coV-2) na Lombardia, localizada na Itália. Mattia, de 38 anos, passou um mês lutando pela vida na UTI do hospital San Matteo di Pavia após seu teste dar falso positivo.

Leia também: Covid-19: França é quinto país a ultrapassar marca de 100 mil casos confirmados

Uso de máscaras se torna obrigatório em duas regiões da Itália%3A Toscana e Lombardia
undefined
bebê

Leia também: Covid-19: "teste do vinagre" ajuda a identificar pacientes assintomáticos

Segundo Mattia, ele superou a Covid-19 pois seria pai em breve. "Fui forte porque estava para ser pai. Enquanto tinha o tubo na traqueia pensei que se estivesse sozinho teria desistido. São as vidas dos outros que nos levam para a frente", disse ele ao jornal italiano La Repubblica .

Leia também: Walmart enfrenta processo após morte de funcionário por Covid-19

O italiano, conhecido como "paciente 1", por ter sido a primeira pessoa a ser contagiada com Covid-19 na região da Lombardia e na Itália , contraiu o vírus em um jantar com amigos, entre os quais um que tinha acabado de regressar da China, o chamado "paciente zero".

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários