Polícia está controlando a circulação de pessoas em Bnei Brak. arrow-options
Reprodução/Al Jazeera
Polícia está controlando a circulação de pessoas em Bnei Brak.


A cidade israelense de Bnei Brak , localizada perto de Tel Aviv , foi colocada em isolamento forçado nesta sexta-feira (3). Policiais vestidos com máscaras cirúrgicas e luvas cercaram o município com barreiras e estão vigiando os movimentos do cerca de 200 mil habitantes que vivem por lá. A estimativa dos especialistas é de que 38% da população esteja com covid-19 , doença causada pelo novo coronavírus .

Bnei Brak é conhecida por ser uma cidade com grande número de judeus ultraortodoxos . Segundo relatos, rabinos estão criticando as orientações de quarentena transmitidas pelo governo e encorajando as pessoas a continuarem a vida normalmente.

“Bnei Brak está fechada a partir desta sexta-feira. A polícia impedirá qualquer movimento dentro ou fora da cidade. As pessoas só podem entrar ou sair por razões médicas ou de apoio médico”, disse o porta-voz da polícia, Micky Rosenfeld.

Leia também: Afastado após alertar sobre covid-19, capitão sai ovacionado de navio americano

Os policiais comunicaram que vão garantir a alimentação, medicamento e outros tipos de assistência aos moradores da cidade. Existe uma preocupação com os idosos e, por isso, cerca de 4,5 mil pessoas de cerca de 80 anos serão isolados em hotéis.

Caso medidas não sejam tomadas, estima-se que Bnei Brak poderá representar 30% dos casos positivo das  população total de Israel , que tem 34 mortes e 7 mil casos confirmados.

    Veja Também

      Mostrar mais