Monumento foi destruído por caminhonete na Ilha de Páscoa
Reprodução/Comunidade Ma'u Henua
Monumento foi destruído por caminhonete na Ilha de Páscoa


Um homem perdeu o controle ao volante e destruiu, com sua caminhonete, um monumento sagrado na Ilha de Páscoa , território chileno localizado na Polinésia, famoso justamente por essas estátuas , conhecidas como Cabeças da Ilha de Páscoa. Existem quase mil dessas construções, chamadas de ‘moais’ pelos nativos.

“Como todos sabem, os moais são estruturas sagradas que possuem um valor religioso para o povo de Rapa Nui. Um caso como esse não é apenas terrível, é também uma ofensa a uma cultura viva que passou os últimos anos lutando para recuperar seu patrimônio histórico e arqueológico”, afirmou Camilo Rupa, presidente da comunidade Ma’u Henua, em entrevista ao jornal chileno El Mercurio.

Leia também: Operário fica preso a 100 metros do chão durante tornado e faz vídeo assustador

O motorista da caminhonete, um chileno que vive na Ilha há 12 anos, está respondendo a um processo por dano ao patrimônio nacional. Segundo as investigações, tudo indica que o acidente ocorreu por causa de uma falha no freio do veículo. O ocorrido motivou o prefeito da ilha, Pedro Edmunds Paoa, a repensar as leis de trânsito.

“Todos decidiram não estabelecer regras de trânsito quando se trata de veículos em locais sagrados, mas nós, como conselho, estávamos conversando sobre os perigos, e sabíamos muito bem o que o aumento no número de turistas e residentes poderia causar”, afirmou o prefeito.

Segundo Paoa, a população local cresce de 8 mil para 12 mil, desde 2012, sem contar os 12 mil turistas que visitam a ilha a cada mês.

    Veja Também

      Mostrar mais