Quatro adolescentes grávidas e 24 bebês foram resgatados de uma maternidade ilegal na Nigéria. A polícia nigeriana descobriu a organização criminosa em Port-Harcourt, e salvou as mulheres e os bebês que tinham de um a dois anos. No país, o tráfico de crianças é muito comum. 

Leia também: Trump pensa em restringir viagens para Itália por causa de coronavírus

mulher grávida
Pixbay/Creative Commons
Mulher grávida


Bebês do sexo feminino são vendidos por cerca de R$3600, enquanto os do sexo masculino podem custar até R$6200. Muitos deles são usados para rituais de magia negra .

Apesar de ser o país com a maior economia da África, a Nigéria sofre com grande parte da população vivendo em extrema pobreza. O tráfico de pessoas é o terceiro crime mais praticado no país, ficando atrás da corrupção e tráfico de drogas.

    Veja Também

      Mostrar mais