Mulher ficou com as mãos presas embaixo do carro por 45 minutos, mas conseguiu ligar para a emergência
Corpo de Bombeiros do Condado de Colleton
Mulher ficou com as mãos presas embaixo do carro por 45 minutos, mas conseguiu ligar para a emergência


Uma norte-americana de 54 anos precisou usar os dedos do pé para discar para a emergência do Copo de Bombeiros , depois de ter as mãos esmagadas pelo próprio carro . O episódio aconteceu quando ela teve que parar em uma estrada deserta do Condado de Colleton , na Carolina do Norte , para trocar um pneu furado.

Durante a troca, o macaco deslizou  e o carro veio ao chão, em movimento que prendeu as mãos da mulher entre o estepe e o para-choque. Com as duas mãos esmagadas, ela teve que usar os dedos do pé para conseguir ligar para o Corpo de Bombeiros .

Leia também: Funerária aposta em 'brilho final' e oferece caixões com glitter; veja fotos

“Nos 35 minutos seguintes, ela foi capaz de tirar um dos sapatos e manipular o celular. Depois de muitas tentativas, ela conseguiu discar 911 (número da emergência no Estados Unidos) com os dedos dos pé e avisou sobre sua situação”, afirmou um dos oficiais de resgate ao NY Post.

Até os bombeiros chegarem, estima-se que a mulher ficou presa por um tempo total de 45 minutos. Uma das mãos dela foi solta com o uso de pé de cabra, enquanto a outra só ficou livre após o uso de um macaco hidráulico. Segundo os relatos dos oficiais, ela estava com uma dor excruciante e sofreu danos severos nas duas mãos e em todos os dedos.

    Veja Também

      Mostrar mais