IstoÉ

Pedófilo Cazaquistão arrow-options
Reprodução/CCTV
O agressor, identificado como Valiev, estuprou garota de 12 anos no banheiro de sua escola.

Um homem, de 38 anos, foi condenado a castração química e 25 anos de prisão após estuprar uma menina de 12 anos no banheiro de uma escola em Taraz, no Cazaquistão , em novembro de 2019. As informações são do Daily Mail.

Leia também: Bolívia: Após anunciar candidatura às eleições, Áñez pede renúncia de ministros

O agressor, identificado como Valiev, invadiu a escola uma hora antes do ataque. Câmeras de segurança flagraram o homem enquanto ele caminhava próximo aos alunos. Os responsáveis pelo colégio disseram aos investigadores que “a pessoa que tinha que monitorar as câmeras estavam ausente no momento do ataque”.

O suspeito foi preso pela polícia duas horas após cometer o crime e a vítima reconheceu que o homem foi o responsável pelo ataque. Segundo a mídia local, o diretor da escola foi demitido após o incidente.

    Veja Também

      Mostrar mais