Agência Brasil

pessoas andando na rua arrow-options
James Schwartz
Política do filho único foi abolida após 30 anos

A população da China ultrapassou 1,4 bilhão de habitantes, pela primeira vez, no fim de 2019. O Departamento Nacional de Estatísticas da China anunciou nesta sexta-feira (17), em Pequim, que a população do país aumentou em mais de 4,6 milhões em relação ao ano anterior.

Em 2016, o governo chinês aboliu a política de filho único, que vigorava há mais de 30 anos. Hoje, os casais podem ter dois filhos.

Leia também: Buraco se abre, engole ônibus e mata seis na China; assista

Contudo, a taxa de natalidade continua a cair por causa de fatores como alto custo para a criação dos filhos em cidades e mudança nos estilos de vida.

Segundo o departamento, 14,6 milhões de bebês nasceram no ano passado na China. Houve uma queda de 580 mil em comparação com o ano anterior, e é o terceiro ano consecutivo de declínio anual.

    Veja Também

      Mostrar mais