Tamanho do texto

Imóvel de 54m² foi anunciado on-line por 550 euros, cerca de 2,5 mil reais, com despesas incluídas. Desde 2008 Berlim passa por devido a altos aluguéis

Apartamento berlim arrow-options
Reprodução / RBB Abendschau
Crise de aluguéis em Berlim tem influenciado procura concentrada de inquilinos por imóvel.

A crise de aluguel em Berlim , capital alemã, gerou uma procura excedente por um apartamento que está disponível no bairro de Schöneberg. O imóvel de 54m² foi anunciado on-line por 550 euros, cerca de 2,5 mil reais, com despesas incluídas. Com dois quartos e uma varanda, o apartamento atraiu 1.749 interessados.  Desde 2008 Berlim é a cidade da Alemanha com os mais elevados preços para quem deseja alugar. 

Leia mais: 'Casa móvel' de dois andares é construída em cima de caminhão

As visitas aconteceram neste domingo (24), mas nem todos os candidatos foram selecionados para a entrevista da vaga. Os critérios para ser um inquilino incluíam ter renda menor do que 5 mil euros líquidos - cerca de R$ 23 mil - e não ter um primeiro apartamento. 

De acordo com a rede de TV alemã RBB, várias pessoas estavam inconformadas com a situação. Pessoas que estava na fila de espera para ver o imóvel procuravam local para morar há mais de um ano. 

Leia também: Mulher oferece R$ 2 mil e TV para 'suposto' matador executar rival e acaba presa

Os interessados foram divididos em grupos de 20 a 30 pessoas por vez devido ao volume de interessados. Um megafone foi usado do lado de fora do prédio para anunciar o momento de revezar as visitas. 

"A visita em massa é uma catástrofe, mas reflete verdadeiramente o cenário neste momento do que é procurar apartamento em Berlim", disse Ines Sademann, que criticou a quantidade de pessoas circulando no espaço. Ao mesmo tempo, ela afirmou que a cena é recorrente em Berlim. 

O inquilino será escolhido em até uma semana e meia, segundo a RBB. Com vista para a prefeitura do bairro, o apartamento fica no terceiro andar, a cerca de 8km do centro de Schöneberg.