Avião
Twitter/ @DublinAirport
Avião teve que planar por aproximadamente 100 km até chegar em aeroporto.

Um avião da Republic Airways que transportava 69 passageiros protagonizou um episódio perigoso e raro após perder a potência nos dois motores, o que obrigou os pilotos a planarem com o veículo por aproximadamente 100 quilômetros .

Leia também: Califórnia emite alerta vermelho extremo por incêndios 

No momento da falha, o avião estava a 29.000 pés, que equivalem a aproximadamente 10.000 metros de altura. Quando perceberam a perda de potência, os pilotos iniciaram os procedimentos de emergência e alteraram o destino para o aeroporto de Nashville, nos Estados Unidos.

Ao saber da situação, o aeroporto suspendeu todo o tráfego aéreo da região e liberou três pistas de pouso para garantir que a aterrisagem ocorresse em condições adequadas. Cerca de 27 minutos depois das falhas, a aeronave conseguiu pousar.

A aeronave faz voos para a empresa entre cidades de pequeno e médio porte desde 2016. Apesar do susto, nenhum dos passageiros que estava dentro do avião na hora do episódio sofreu ferimentos.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários