Tamanho do texto

Comprador anônimo ainda arrematou uma camisola. Valor final surpreendeu a organização do leilão;

Calcinha de Eva Braun arrow-options
Divulgação
Calcinha de Eva Braun

Um par de calcinhas e a camisola da mulher de Adolf Hitler , Eva Braun, foram leiloadas pela Humbert & Ellis Auctioneers, em Northamptonshire (Inglaterra). Um comprador anônimo arrematou as vestimentas íntimas por 6 mil libras - ou R$ 31 mil, em uma conversão simples.

LEIA MAIS: Homem invade shopping em SUV e destrói porta de loja

O dinheiro arrecadado surpreendeu a organização do leilão , que esperava vender cada um dos itens por aproximadamente 800 libras (R$ 4,1 mil). Apesar do tempo, as vestimentas estão em boas condições. As calcinhas, especificamente, levam as iniciais de Eva Braun em um acabamento bordado, contando ainda com uma etiqueta que mostra a província e data de fabricação: Baviera, 1944.

Hitler arrow-options
AP
Foto de arquivo mostra o líder alemão Adolf Hitler e sua companheira Eva Braun jantando

Eva conheceu Hitler em 1929, aos 17 anos, e logo se apaixonou por ele. A diferença de idade - o ditador alemão tinha 40 na época - não foi um fator que impediu o relacionamento. Começaram a morar juntos em 1936, ainda que Eva não comparecesse nos eventos oficiais do partido nazista com Hitler.

LEIA MAIS: Áustria vence e evita que casa de Hitler vire "templo nazista"

Quando a guerra já estava perdida, Eva viajou para Berlim, onde passou seus últimos dias em um bunker . Eles se casaram e, no dia seguinte, colocaram um ponto final em suas vidas - ela por injeção de cianeto e ele com um tiro na cabeça.