Tamanho do texto

Polícia achou impressora 3D fazendo arma em posse de homem de 26 anos, considerado esquizofrênico e “com problemas de ansiedade” por advogado

Homem sério e arma ao lado dele arrow-options
Polícia Metropolitana de Londres
Homem foi preso em posse de armas fabricadas por ele em impressora 3D

Um homem de 26 anos foi condenado à prisão pela Corte de SouthWark, na Inglaterra, após utilizar uma impressora 3D para fabricar uma arma capaz de atirar munições reais. 

As armas em posse de Tendai Muswere, que é estudante nascido em Londres, foram encontradas durante um mandato de busca de drogas na casa dele. À polícia, o rapaz alegou que estava fabricando os armamentos para um filme de ficção científica.

Leia também: Filha é presa em velório do pai após encomendar morte dele

Segundo o jornal britânico BBC, o advogado do rapaz afirmou que ele era uma pessoa ansiosa e com problemas de esquizofrenia paranóica, que fumava maconha periodicamente. 

Na casa dele, a polícia encontrou duas impressoras 3D fabricando os protótipos de arma em tempo real, com apenas alguns tubos de aço faltando para deixá-la completamente funcional. Munições também foram encontradas. Ele foi preso por fabricação proibida de arma e posse de armamento proibido.