Tamanho do texto

Após série de atentados na Páscoa no qual 250 pessoas morreram, mesquitas e centros comerciais muçulmanos também foram atacados

Igreja católica com teto destruído e repleta de escombros no Sri Lanka
Reprodução/EuroNews
No domingo de Páscoa, igrejas católicas e hotéis foram alvos de atentados que deixaram 250 mortos no Sri Lanka

O governo do Sri Lanka anunciou nesta segunda-feira (13) a imposição de um toque de recolher das 21h às 4h, além de restrições a redes sociais, como medidas de segurança contra uma série de atentados no país.

De acordo com fontes locais, WhatsApp, Viber e Facebook foram bloqueados temporariamente no Sri Lanka .

Leia também: Relíquias roubadas em zonas de conflito são vendidas em grupos no Facebook

Além de ataques a mesquitas e centros comerciais muçulmanos nos últimos dias, mais de 250 pessoas morreram em explosões em igrejas católicas e hotéis na Páscoa, em 21 de abril.

De acordo com as autoridades do Sri Lanka , as medidas servem para "impedir o incitamento à violência".