Ciclone Idai atingiu Moçambique, Zimbábue e Malaui em março deixando um rastro de destruição
MODIS/NASA
Ciclone Idai atingiu Moçambique, Zimbábue e Malaui em março deixando um rastro de destruição

O ciclone Kenneth deverá atingir nesta quinta-feira (25) o norte de Moçambique, sendo provável que chegue com força à província de Cabo Delgado.

Leia também: Ministério da Justiça prorroga missão humanitária do Brasil em Moçambique

A diretora-geral do Instituto Nacional de Gestão de Calamidades, Augusta Maita, disse que já foram posicionados meios logísticos para socorrer as mais de 600 mil famílias que poderão ser atingidas pelo ciclone .

A companhia Linhas Aéreas de Moçambique cancelou a ligação Maputo-Pemba, depois que foi emitido um alerta vermelho pelo Instituto Nacional de Meteorologia de Moçambique.

Leia também: Desastre em Moçambique é maior do que o de Brumadinho, revela militar brasileiro

Em março deste ano, Moçambique foi atingido pelo Idai, que destruiu 90% da cidade de Beira e deixou um rastro de grave destruição, com centenas de mortos e desabrigados. O país ainda se recupera da catástrofe anterior, que resultou ainda em uma epidemia de cólera .

O ciclone tropical Kenneth deve atingir a costa de Cabo Delgado nesta quinta-feira com ventos de mais de 200 quilômetros por hora.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários