Tamanho do texto

Presidente francês acabou usando um chamado 'falso cognato' e passou por uma saia-justa enquanto cumprimentava o primeiro-ministro da Austrália

Macron passa por saia-justa após se embaralhar no inglês e acabar chamando primeira-dama de 'esposa deliciosa'
Reprodução/ABC News
Macron passa por saia-justa após se embaralhar no inglês e acabar chamando primeira-dama de 'esposa deliciosa'

O presidente da França, Emmanuel Macron, se embaralhou no inglês, nesta quarta-feira (2), e acabou falando para o primeiro-ministro da Austrália, Malcolm Turnbull, enquanto o cumprimentava, que ele tinha uma "esposa deliciosa". O adjetivo foi usado pelo presidente francês para se referir à primeira-dama, Lucy Turnbull.

Leia também: Árvore plantada por Trump e Macron na Casa Branca desaparece misteriosamente

"Eu gostaria de agradecer a você e à sua  esposa deliciosa pelas boas-vindas calorosas e pela perfeita organização dessa viagem", declarou Macron, durante uma viagem à Austrália.

A fala de Macron , ao contrário do que possa parecer, claramente não foi de apelo sexual. Ele dizia apenas que Lucy Turnbull foi uma boa e agradável anfitriã.

O que aconteceu, no caso, foi que o presidente da França , ainda em seu inglês imperfeito, acabou utilizando um 'falso cognato', ou seja, um termo que possui grafia semelhante a outro, mas que carrega um sentido diferente. 

Situações como essa acontecem com os brasileiros, por exemplo, com a palavra 'pretend' que, embora pareça com o verbo 'pretender', significa 'fingir'.  Outro exemplo é a palavra 'parent' que parece com a palavra 'parente', mas significa, exclusivamente, 'pai', 'mãe' ou 'responsável'. 

Leia também: Merkel, Macron e May defendem permanência dos EUA no acordo nuclear com Irã

Em inglês, 'delicious' é um adjetivo que pode se referir a alimentos e também é usado em sentido sexual, como em português. No entanto, a palavra francesa 'délicieux', que se parece com ela, pode ser aplicada para pessoas ou situações agradáveis.

Visita de Macron à Austrália

Macron está em visita à Austrália com fins diplomáticos, para discutir sobre as mudanças climáticas e também para conversar a respeito da defesa dos países quanto a isso.

Há poucos dias, o presidente francês foi à América do Norte, para visitar o homólogo Donald Trump, nos Estados Unidos. Na ocasião, embora não tenha se metido em qualquer saia-justa, Macron foi alvo de notícias a respeito do seu bom relacionamento com o magnata republicano. 

O seu comentário sobre a ' esposa deliciosa ' do premiê australiano gerou diversas reações nas redes sociais, mas o mandatário francês ainda não se pronunciou publicamente sobre a gafe. 

Leia também: Macron afirma ter provas de que Assad usou armas químicas na Síria

* Com informações da Agência Ansa.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.