Tamanho do texto

Criança de seis anos, que descia a escada rolante com o pai, ficou com o sapato preso na lateral do equipamento; caso aconteceu em Hong Kong

O menino foi levado ao hospital e teve apenas alguns machucados no pé
Reprodução/Daily Mail
O menino foi levado ao hospital e teve apenas alguns machucados no pé

Um menino de apenas seis anos teve que ser socorrido por bombeiros após ficar com um dos pés preso em uma escada rolante. De acordo com o portal Daily Mail , o caso aconteceu em um shopping na cidade de Yuen Long, em Hong Kong, quando o sapato de plástico do menino, natural do Japão, entrou em um buraco na lateral da escada.

Leia também: Homem erra a mira durante brincadeira e acerta dardo no olho da namorada

Outras pessoas que estavam no local perceberam a situação e acionaram um botão de emergência, fazendo a escada rolante parar de funcionar imediatamente. Os bombeiros foram chamados e, em cinco minutos, conseguiram liberar o garoto, que estava assustado e chorando nos braços do pai enquanto os profissionais atuavam. 

A equipe de resgate – que contava com sete profissionais – utilizou dois pés de cabra para expandir o buraco onde o sapato do menino estava preso e, assim, conseguiu puxar o pé para fora da escada. Com alguns machucados no pé direito, a criança foi encaminhada para o hospital Pok Oi, nas proximidades do shopping Yoho, onde o incidente aconteceu. Assista ao vídeo:


O shopping não se pronunciou sobre o caso e bloqueou o acesso à escada em questão, que está fechada para reparos técnicos.

Criança fica com a mão presa em escada rolante

Em outro acidente parecido, um menino de apenas quatro anos sofreu graves ferimentos após ficar com a mão presa em uma escada. De acordo com o portal  Shropshire Star , o caso aconteceu em um shopping na cidade inglesa de Shrewbury, e Finley Lander ficou quatro dias internado para tratar as lesões .

O garoto estava no shopping Shrewbury’s Charles Darwin com seu pai e sua irmã mais velha, no dia 13 de janeiro, quando o acidente aconteceu. “Eu estava descendo a escada quando ouvi seus gritos, e vi Finley sentado com sua mão presa”, explicou Michael Lander, seu pai.

As pessoas que transitavam pelo centro comercial ficaram chocadas com a cena, e Michael detalhou que tentou retirar a mão do filho de dentro da estrutura, mas percebeu que poderia piorar o quadro de saúde se continuasse com as tentativas. “Pouco tempo depois, os paramédicos chegaram e o levaram de helicóptero para o hospital Telford Princess Royal”, disse o britânico.

Leia também: Guru indiano é condenado à prisão perpétua por estuprar seguidora de 16 anos

Finley ficou quatro dias hospitalizado, período durante o qual a criança passou por vários procedimentos cirúrgicos sob a observação da equipe médica, que temia uma infecção no membro ferido pela escada rolante .