Tamanho do texto

Nas redes sociais, jovem compartilhou imagens chocantes de seu estado após a agressão; homem não foi identificado e investigações foram pausadas

Sophie Johansson, foi agredida com um soco e golpeada com uma garrafa de vidro em boate sueca no último sábado
Reprodução/Facebook
Sophie Johansson, foi agredida com um soco e golpeada com uma garrafa de vidro em boate sueca no último sábado

Uma adolescente foi agredida e assediada sexualmente em uma boate em Malmo, na Suécia, na noite do último sábado (27). Ela relatou à mídia local que um homem, que não conhece, colocou a mão entre as pernas dela e a deu uma garrafada na cabeça.

Leia também: Homem morre ao ser estrangulado por cobra de 3,5 metros enquanto andava de moto

Sophie Johansson, de 19 anos, disse ao jornal sueco Aftonbladet que estava na pista de dança da boate Babel quando o rapaz tentou tocar suas partes íntimas. Assim que percebeu o que estava acontecendo, o empurrou para que se afastasse, mas levou um soco na cara, ainda sendo golpeada com uma garrafa de vidro enquanto tentava sair do local.

Nas redes sociais, a jovem compartilhou imagens chocantes de seu estado após a agressão. “Eu não o conheço, tudo o que sei é que aparenta estar na faixa dos 20 anos e tem cabelos escuros. Depois que me acertou com um soco, tentei sair da balada com a minha amiga até que fui golpeada com uma garrafa. Quando me contaram que estava sangrando, fiquei em choque”.

Leia também: Mãe deixa bebê morrer de fome em casa ao abandoná-lo para ir a festas por 7 dias

Investigações pausadas

Johansson foi levada para um hospital, onde levou pontos devido aos cortes em sua cabeça.  A Polícia de Malmo afirma ter começado as investigações, mas que devido à escassez de provas e da dificuldade na identificação do agressor tiveram que arquivar o caso dias depois do ocorrido.

Após agressão, ela foi levada ao hospital, onde levou pontos devido aos diversos cortes em sua cabeça
Reprodução/Facebook
Após agressão, ela foi levada ao hospital, onde levou pontos devido aos diversos cortes em sua cabeça

“Esperamos que alguém que tenha presenciado o acontecimento nos contate rapidamente, para que possamos retomar as investigações”, expôs o porta-voz da polícia local, Nils Norling,

A boate Babel usou sua página no Facebook para comentar o incidente, afirmando que todo o material que possa ajudar na identificação do rapaz já foi entregue a polícia. Testemunhas também procuraram autoridades a fim de acelerar a retomada das investigações.

Leia também: Professor manda alunos estapearem garotas que não fizeram tarefa de casa

De acordo com o Daily Mail , essa não é a primeira vez que a casa noturna foi cenário de um incidente grave. Em 3 de novembro do ano passado, um grupo desconhecido explodiu as portas do local, fugindo em seguida. A boate estava fechada no momento do ataque e ninguém ficou ferido.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.