Tamanho do texto

Há cerca de 362 mil habitantes próximos às cidades atingidas pelo tremor de terra; 'shutdown' do governo norte-americano acabou atrasando a notícia

Terremoto gerou um alerta de tsunami para toda a costa, especialmente, para o Golfo do Alasca
Reprodução/EuroNews
Terremoto gerou um alerta de tsunami para toda a costa, especialmente, para o Golfo do Alasca

Um terremoto de 8,2 graus de magnitude na escala Richter atingiu o Alasca , nos Estados Unidos, na manhã desta terça-feira (23), informou o Instituto Geológico do país. O incidente foi registrado perto das 7h30 no horário de Brasília. 

Leia também: Entenda como acontecem os terremotos

De acordo com o United States Geological Survey (USGS), o  terremoto no Alasca teve uma profundidade considerada rasa, com apenas 10 quilômetros, e ocorreu a 278 km de Kodiak.

O movimento gerou um alerta de tsunami para toda a costa, especialmente, para o Golfo do Alasca. De acordo com a USGS, as cidades mais próximas são Chiniak, Anchorage, Eagle River, Knik-Fairview e Juneau. Ao todo, há pouco mais de 362 mil habitantes nessas localidades.

De acordo com o Serviço Meteorológico Nacional da Administração Nacional Oceânica e Atmosférica (NOAA) dos EUA, um alerta de tsunami também foi emitido para a província canadense da Colúmbia Britânica e para as ilhas Aleutas.

Leia também: Veja vídeos de momentos desesperadores durante terremoto no México

Apesar de não terem sido ainda observadas atividades de tsunami, especialistas advertem de que, nas próximas horas, podem ser registradas ondas destrutivas, correntes fortes, inundações e danos materiais nas zonas costeiras da região. 

Shutdown

O Twitter segue sendo um dos principais companheiros para quem precisa de informações urgentes como a do tremor de terra. Por isso, contas como a Proyecciones Sísmica publicou posts sobre o incidente no Alasca.

Além disso, o alerta de tsunami também está sendo acompanhado pelos seguidores por meio da rede social.

Porém, a notícia do terremoto foi dada através do boletim automático da USGS , já que as redes sociais da entidade não estão sendo atualizadas por conta do " shutdown " do governo norte-americano, que chegou ao fim na noite desta segunda-feira (22).

Leia também: Passa de 400 o número de mortos em terremoto na fronteira entre Iraque e Irã

* Com informações da Agência Ansa.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.