Tamanho do texto

Fêmea de porco-formigueiro batizada Misha teve a morte confirmada, e direção acredita que 4 suricates também morreram; parque reabre amanhã

Após incêndio, direção do zoológico de Londres informou que parque será reaberto já nesse domingo
Divulgação/London Fire Brigade
Após incêndio, direção do zoológico de Londres informou que parque será reaberto já nesse domingo

O zoológico de Londres foi atingido por um incêndio na madrugada deste sábado (23). Um porco-formigueiro (espécie de mamífero africana, também denominado aardvark ) morreu devido ao incidente, e o serviço de emergências da capital inglesa informou ainda que oito pessoas receberam atendimento médico, sendo seis delas por inalação de fumaça e duas por pequenos ferimentos. Uma das vítimas chegou a ser encaminhada para o hospital, mas sem gravidade.

O porco-formigueiro que acabou morrendo era uma fêmea de nove anos chamada Misha, segundo informou a direção do parque, acrescentando que outros quatro suricates ainda estão desaparecidos. "Imaginamos que eles também tenham morrido", lamentaram os diretores do zoológico de Londres no comunicado.

As chamas tiveram início na seção denominada "Aventura Animal" e se espalharam para uma loja que fica bem próxima ao local. O Corpo de Bombeiros de Londres ( London Fire Brigade ) conseguiu controlar o fogo após pouco mais de três horas de trabalho.

Leia também: Embaixador do Brasil é expulso da Venezuela por causa de 'golpe a Dilma'

"Devastados"

Em nota, a direção do parque afirma que todos "estão devastados" pelo ocorrido, mas ao mesmo tempo "imensamente gratos" pela prestatividade dos bombeiros.

O texto também informa que, ao menos por ora, não há indicativos de que os animais sobreviventes tenham sido afetados de alguma forma pelo incidente. "Todos os animais que estavam próximo ao local do incêndio estão sendo monitorados de perto pelos nossos veterinários, mas os primeiros indícios sugerem que eles não foram afetados. Continuaremos a monitorá-los pelos próximos dias."

Por fim, a direção do parque diz que "ainda é muito cedo para especular sobre as possíveis causas do incêndio" e informa que o zoológico de Londres será reaberto ao público já nesse domingo (24). "Vamos trabalhar de perto com os investigadores durante os próximos dias e semanas para nos certificarmos sobre a causa", informa o comunicado. "Após consulta com especialistas em incêndios, estamos confiantes de que poderemos reabrir o zoológico com segurança amanhã", completa.

Leia também: Funcionários de asilo levam R$ 39 milhões na loteria de Natal da Espanha

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.