Tamanho do texto

Polícia prendeu o agressor, um alemão de 37 anos que conseguiu desarmar uma agente de polícia e usar sua arma; a policial está em estado crítico

Agressor conseguiu tirar a arma de uma policial, momento em que aconteceu o tiroteio na Alemanha
Reprodução/AlJazeera
Agressor conseguiu tirar a arma de uma policial, momento em que aconteceu o tiroteio na Alemanha

Pelo menos quatro pessoas ficaram feridas, nesta terça-feira (13), após um tiroteio na estação de metrô de S-Bahn de Unterfohring, em Munique, na Alemanha. Entre os feridos, está uma policial, que está em estado crítico e um suspeito, que foi detido.

Leia também: Líderes mundiais criticam decisão de Trump de romper com Acordo de Paris

De acordo com as informações dadas pela polícia, o agressor é um alemão de 37 anos. O atirador conseguiu desarmar uma agente da polícia na estação e usar a sua arma para disparar contra os usuários dos trens. A ocorrência começou com a atuação policial contra uma brigada que aconteceu dentro da estação da Alemanha .

Segundo um porta-voz das forças de segurança, a polícia recebeu o aviso de que em um trem tinha acontecido uma briga entre passageiros.

Ao chegar, os policiais encontraram os envolvidos na briga na plataforma de estação e um deles tentou empurrar um agente para a linha do trem.

O agressor conseguiu tirar a arma de um dos policiais, momento em que aconteceu o tiroteio: uma agente ficou ferida na cabeça e está em estado crítico e o autor do distúrbio também foi alvejado por um disparo e se encontra em estado grave.

"Ouvi cinco tiros e, em seguida, fomos obrigados a deixar o metrô", disse uma testemunha.

Outras duas pessoas ficaram feridas por tiros. "A situação já está sob controle e não há indícios de terrorismo. Mas, no momento, não podemos excluir nada", informaram as autoridades locais.

Ameaça de terrorismo 

No último dia 2 de junho, a  organização do festival de música Rock am Ring, também em solo alemão, decidiu suspender a realização do evento , que ocorria no autódromo de Nürburgring, na cidade de Nürburg devido à ameaça de um ataque terrorista .

“Devido a uma ameaça terrorista, a polícia nos aconselhou a interromper o festival. Pedimos a todos os visitantes que saiam espaço de forma calma e controlada em direção às saídas e aos campos de acampamento", disse uma nota divulgada no evento oficial do festival no Facebook.

Os organizadores estimam que cerca de 85 mil pessoas estavam no autódromo quando surgiu a ordem das autoridades para que o espaço fosse esvaziado. Após a orientação para a evacuação, alguns participantes se recusaram a deixar o local, alegando que se sentiam mais seguros dentro do autódromo do que na área destinada a acampamento na Alemanha.

Leia também: Carro capota e atinge ônibus em acidente impressionante no Japão; veja o vídeo

* Com informações da Agência Ansa.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.