Tamanho do texto

Ataques ocorreram no último sábado (3) e deixaram 7 mortos e 48 feridos; terceiro responsável por ataque ainda não teve identidade divulgada

Terroristas de Londres: o britânico Khuram Butt e o marroquino Rachid Redouane  foram mortos durante troca de tiros
Metropolitan Police
Terroristas de Londres: o britânico Khuram Butt e o marroquino Rachid Redouane foram mortos durante troca de tiros

A Polícia de Londres divulgou nesta segunda-feira (5) as identidades de dois dos terroristas que participaram dos atentados do último sábado (3), ocorridos na London Bridge e no mercado de Borough, na capital da Inglaterra. O britânico Khuram Butt e o marroquino Rachid Redouane foram um dos três homens identificados como responsáveis pelo ataque que matou sete pessoas e deixou outras 48 feridas .

De origem paquistanesa, Khuram Butt, de 27 anos, seria o líder da célula responsável pelo atentado em Londres . Ele também seria o jihadista fotografado por um italiano com um falso colete explosivo enquanto agonizava após ter sido baleado pelas forças de segurança [veja a foto mais abaixo].

O chefe da equipe antiterrorismo da Scotland Yard, Mark Rowley, disse que Butt era conhecido dos serviços de inteligência, mas que não havia evidências de que ele estivesse planejando um atentado, sendo classificado como de "baixa prioridade".

O homem também aparece no documentário "The jihadis next door" ("Os vizinhos jihadistas", em tradução livre), que trata sobre o risco do extremismo na Inglaterra. No filme, Butt surge rezando em um parque da cidade ao lado de uma bandeira do Estado Islâmico.

De acordo com o jornal The Telegraph , ele teria se radicalizado assistindo a vídeos no YouTube e também era conhecido pelo nome de Abu Zeitoun.

Leia também: "Fomos tolerantes com o terrorismo. Já chega", diz premiê após ataque

O outro agressor identificado como Rachid Redouane é marroquino e não era conhecido da polícia. Ambos moravam no distrito de Barking, a 15 quilômetros da London Bridge. O terceiro terrorista era um cidadão estrangeiro.

Terror na London Bridge

O ataque que foi reivindicado pelo Estado Islâmico ocorreu na noite do sábado (3), quando um grupo de 'lobos solitários' avançaram em uma van branca em alta velocidade contra pedestres que cruzavam a London Bridge, por volta de 22h no horário local.

Alguns quarteirões à frente, três homens desembarcaram do veículo armados com facas e atacaram pessoas que estavam no mercado de Borough.

Leia também: Polícia prende 12 suspeitos por ataques que deixaram sete mortos

Os responsáveis pelo ataque em Londres vestiam coletes que aparentavam carregar explosivos, mas posteriormente foi constatado que se tratava de dispositivos falsos com o único intuito de provocar ainda mais pânico nas vítimas. Houve troca de tiros entre a polícia e os três suspeitos acabaram baleados e morreram.

* Com informações da Ansa

    Leia tudo sobre: Estado Islâmico
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.