Passageiros e funcionários foram evacuados e formaram um grande grupo na pista do Terminal 2 após os tiros
CBSN/ Reprodução 06.01.2016
Passageiros e funcionários foram evacuados e formaram um grande grupo na pista do Terminal 2 após os tiros

Um homem de origem hispânica abriu fogo no Aeroporto Internacional Fort Lauderdale–Hollywood, nos Estados Unidos, na tarde desta sexta-feira (6). De acordo com a imprensa norte-americana, ao menos cinco pessoas morreram e outras oito foram levadas a hospitais. O número de vítimas deve aumentar.

+ Estátua de escrava sexual causa crise entre governos do Japão e da Coreia do Sul

O acesso ao aeroporto foi bloqueado e todos os serviços, suspensos. O senador pela Flórida Bill Nelson disse à emissora "MSNBC" que o atirador de Fort Lauderdale, que está sob custódia da polícia, é um homem de origem hispânica chamado Esteban Santiago, de 26 anos. Ele teria um documento de identidade militar.

A polícia também investiga para saber se há outro atirador a solta. A Flórida é um dos estados norte-americanos com maior número de latinos em sua população, muitos deles provenientes de Cuba ou Porto Rico, território que pertence aos EUA.

Você viu?

Ataque

Os tiros foram realizados no setor de retirada de bagagem do Terminal 2. Passageiros e funcionários foram evacuados e formaram um grande grupo na pista. No Twitter do aeroporto, uma mensagem informa apenas que há um problema no terminal. 

+ Vice-presidente dos EUA aconselha Trump a crescer e a ser 'um adulto'

O presidente eleito Donald Trump afirmou por sua conta no Twitter que está acompanhando a situação na Flórida. "Acabei de falar com o governador Scott. Pensamentos e orações para todos. Fiquem seguros!"

O ex-secretário de imprensa da Casa Branca, Ari Fleischer, escreveu em sua rede social que estava no aeroporto no momento dos tiros e que todos começaram a correr por conta do ocorrido. “Tudo parece mais calmo agora, mas a polícia não está deixando ninguém sair – pelo menos não da área onde estou”, compartilhou em seguida.

Após correria, passageiros foram retirados da pista do Terminal 2, onde um homem abriu fogo contra pessoas
CBSN/ Reprodução 06.01.2016
Após correria, passageiros foram retirados da pista do Terminal 2, onde um homem abriu fogo contra pessoas

* Com informações da Ansa

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários