Um erro comum, atribuído à falta de conhecimento a respeito dos parâmetros de um consórcio , diz respeito a quem é elegível a participar de um. Há, claro, análise de crédito para um candidato a integrar um consórcio, mas essa análise não está restrita a trabalhadores com carteira assinada, os ditos CLTs. 

Consórcio é a melhor opção para adquirir um imóvel, carro ou moto
Reprodução/Embracon
Consórcio é a melhor opção para adquirir um imóvel, carro ou moto

Empresários e autônomos também podem se tornar consorciados. É possível ingressar em um consórcio de três maneiras. A primeira e mais comum acontece quando a administradora ainda está reunindo interessados. Ou seja, com o grupo em formação e sem contratos ativos. 

Quando o grupo está formado e ativo, é possível ingressar por cota disponível, um instrumento disponibilizado justamente para comercialização, ou por cota de transferência, quando o ingressante compra diretamente de um dos consorciados, mas deverá ter a anuência da administradora. 

O consórcio, portanto, é mais acessível do que muitos modelos de financiamento e, justamente por isso, pode ser uma estratégia valiosa para pequenos empresários navegarem pela tormenta da pandemia. A ideia de um consórcio comercial , para evitar as taxas de juros ofertadas pelos bancos, pode ser algo a ser perseguido como alternativa de capitalização no momento em que a pandemia permitir a recomposição da atividade econômica no País.

Com ou sem CLT, é válido estudar as opções de consórcio disponíveis no mercado para viabilizar objetivos de médio e longo prazo. Sejam eles um carro, um imóvel, ou mesmo, a retomada de um negócio próprio.

Portanto, cidadãos que não são celetistas também são elegíveis, mediante prévia análise de crédito, a participar de consórcio de imóveis , consórcio de carros , consórcio de moto , entre outros.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários