Governo de SP mantém escolas abertas durante a fase vermelha
Foto: Alessandra Nogueira
Governo de SP mantém escolas abertas durante a fase vermelha

O governo de São Paulo anunciou, nesta sexta-feira (9), que as aulas presenciais na rede estadual de ensino voltam na próxima quarta-feira (14), com o fim da fase emergencial.

"As escolas estaduais reabrem a partir de 14 de abril", afirmou o secretário estadual de Educação de São Paulo, Rossieli Soares, durante entrevista coletiva sobre a pandemia. "Na verdade, continuam abertas, mas vão começar a receber outro público. Dias 12 e 13 de abril devem ser aproveitados para organizar e conversar com as famílias", completou o secretário. 

De acordo com a gestao estadual, as aulas presenciais não são obrigatórias e tem que acontecer com até 35% de ocupação.

Na rede estadual, terão prioridade alunos com defasagem de aprendizado, com dificuldade de acesso à tecnologia, com necessidade de alimentação escolar, cujos responsáveis trabalhem em serviços essenciais e com saúde mental sob risco. "Temos um mapeamento com alto grau de ansiedade, depressão, suicídio e é importante que a gente tenha nesse mapeamento uma prioridade de atendimento", disse Rossieli.

Já a abertura das escolas municipais e particulares depende de decisões das prefeituras. Na capital paulista, o prefeito Bruno Covas (PSDB) ainda não se pronunciou sobre a mudança de fases no Plano São Paulo. 

Vacinação

O governo de  São Paulo também anunciou, nesta sexta-feira (9), a antecipação da vacinação contra a Covid-19 de servidores da educação do estado e de idosos de 67 anos. Os profissionais da educação com mais de 47 anos, que seriam vacinados a partir de segunda-feira (12), poderão receber a primeira dose já neste sábado (10).

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários