Universidade Federal de Santa Catarina
Henrique Almeida / Agecom/UFSC
Universidade Federal de Santa Catarina


Uma reportagem do portal G1  apurou que aproximadamente 100 mil dos quase 1,1 milhão de alunos das universidades federais do país estão sem aulas durante a quarentena. Apenas 6 das 69 instituições de ensino superior estão com sistemas habilitados para o ensino remoto.

O Ministério da Educação ( MEC ) autorizou o ensino remoto emergencial, a medida vigora há quase dois meses, porém somente 8,7% dos alunos tem acesso às aulas. As 59 universidades restantes estão com as aulas suspensas, enquanto outras 4 mantém atividades parciais.

Leia também: Mais de 2,3 milhões de estudantes se inscreveram no Enem 2020

Apenas Universidade Federal do ABC (UFABC), Universidade Federal do Ceará (UFC), Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS), Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS), Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) e a Universidade Federal de Itajubá (UNIFEI) estão realizando aulas online. Cerca de 64.178 alunos das universidades federais do Acre, de Sergipe, de São Carlos (SP) e do Tocantins seguem com aulas de forma parcial.

O MEC afirma que há expectativa do aumento da adesão ao ensino remoto, pois algumas universidades estão organizando os sistemas e definindo como serão utilizados. 


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários