Tamanho do texto

Candidato teria acessado o aparelho e copiado um trecho de um livro para a redação do exame; PF considera caso isolado e descarta suspender prova

Candidato do Enem reproduziu a sinopse do livro Redação de Surdos: uma Jornada em Busca da Avaliação Escrita
DIVULGAÇÃO/ PF
Candidato do Enem reproduziu a sinopse do livro Redação de Surdos: uma Jornada em Busca da Avaliação Escrita

A Superintendência da Polícia Federal (PF) na Bahia cumpriu nesta sexta-feira (19), em Salvador, mandado de busca e apreensão na casa de um estudante para apurar denúncia de fraude no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) . O candidato copiou  um trecho de um livro relacionado ao tema escolhido neste ano para a redação, o que foi considerado plágio. O rapaz confessou o crime.

O estudante reproduziu a sinopse do livro Redação de Surdos: uma Jornada em Busca da Avaliação Escrita, de Maria do Carmo Ribeiro, lançado pela editora Prismas em 2015. O tema da redação do Enem deste ano foi Desafios para a Formação Educacional de Surdos.

A Polícia Federal começou a apurar o caso após receber informações do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), órgão do Ministério da Educação responsável pelo exame, sobre a ocorrência de um plágio em uma prova aplicada em Salvador.

Segundo a delegada responsável pelo inquérito, Suzana Jacobina, o candidato confessou que usou um telefone celular para ter acesso ao conteúdo na redação, sem que tenha sido visto pela equipe de fiscalização da prova.

Leia também: MEC antecipa data do Sisu e inscrições começam no dia 23 de janeiro

A PF continuará a investigação, mas, em uma avaliação preliminar, considerou o caso foi isolado, envolvendo apenas um estudante. A delegada descarta, no momento, que haja risco de alguém ter vazado o conteúdo da prova neste caso, o que poderia comprometer a validade do exame como um todo.

“Com as provas até então colhidas, a linha de investigação mostra que o caso foi isolado. A princípio, não há risco de ser suspenso. Mas tudo ainda precisa ser confirmado”, afirmou a delegada Suzana Jacobina.

Resultado do exame

Os estudantes que fizeram as provas em 2017 já podem consultar a própria nota na página do participante . É necessário informar o CPF e a senha cadastrada no momento da inscrição para acessar o resultado, que detalha o desempenho do participante em cada uma das cinco competências avaliadas nas provas aplicadas nos dias 5 e 12 de novembro.

A divulgação das notas foi antecipada em um dia pelo Ministério da Educação , que inicialmente previa fazê-lo somente nessa sexta-feira (19). Os espelhos de correção das redações só serão divulgados no dia 19 de março, bem como as notas dos treineiros, que são os candidatos com menos de 18 anos de idade que fizeram o exame para autoavaliação.

A edição do ano passado do exame teve mais de 6,7 milhões de inscritos e registrou taxa média de abstenção de 30% nos dois dias aplicação. Foi a primeira vez que os exames foram aplicados em dois domingos, e não em um mesmo fim de semana.

Com o resultado do Enem em mãos, o estudante poderá se candidatar às vagas em cursos superiores oferecidas por instituições públicas de ensino por meio do Sistema de Seleção Unificada.

* Com informações da Agência Brasil

    Leia tudo sobre: Enem
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.