Vai fazer o Enem e não sabe onde estudar? Sua nota também pode valer em Portugal

Confira quais são as universidades portuguesas que aceitam a nota do exame como critério de aprovação; são mais de 20 instituições conveniadas ao Inep
Foto: Reprodução
Para saber mais sobre o processo seletivo de cada universidade portuguesa que aceita o Enem consulte o site do Inep

Com as mudanças feitas no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) , a partir desta edição a prova será realizada apenas por quem deseja uma vaga em instituições de ensino superior. Com tantas opções entre universidades públicas e particulares, é normal que os candidatos fiquem confusos sobre qual unidade escolher.

Porém, as alternativas não estão restritas apenas a instituições brasileiras. O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) fechou recentemente um convênio com o Instituto Politécnico da Maia (Ipmai), de Portugal, para que estudantes brasileiros possam usar as notas do Enem como critério de ingresso nas universidades.

Com isso, já são 27 entidades de ensino superior portuguesas que aceitam a nota da prova como meio de garantir uma vaga nos cursos oferecidos. As instituições portuguesas que usam o exame podem definir qual será a nota de corte para o acesso dos estudantes brasileiros aos cursos ofertados.

A revalidação de diplomas e o exercício profissional no Brasil dos estudantes que cursarem o ensino superior em Portugal estão sujeitos à legislação brasileira aplicável à matéria.

O primeiro convênio interinstitucional foi firmado em 2014, com a Universidade de Coimbra. Os convênios não envolvem transferência de recursos e não preveem financiamento estudantil por parte do governo brasileiro.

Confira a lista de instituições portuguesas que aceitam a nota do Enem:

  • Universidade de Coimbra
  • Universidade de Algarve
  • Instituto Politécnico de Leiria
  • Instituto Politécnico de Beja
  • Instituto Politécnico do Porto
  • Instituto Politécnico de Portalegre
  • Instituto Politécnico do Cávado e do Ave
  • Instituto Politécnico de Coimbra
  • Universidade de Aveiro
  • Instituto Politécnico de Guarda
  • Universidade de Lisboa
  • Universidade do Porto
  • Universidade da Madeira
  • Instituto Politécnico de Viseu
  • Instituto Politécnico de Santarém
  • Universidade dos Açores
  • Universidade da Beira Interior
  • Universidade do Minho
  • Cooperativa de Ensino Superior Politécnico e Universitário
  • Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias
  • Instituto Politécnico de Setúbal
  • Instituto Politécnico de Bragança
  • Instituto Politécnico de Castelo Branco
  • Universidade Lusófona do Porto
  • Universidade Portucalense
  • Instituto Universitário da Maia (Ismai)
  • Instituto Politécnico da Maia (Ipmai)

Leia também: Saiba como usar o Enem para cursar uma universidade em Portugal

Prova

Antes, o exame também servia como certificado de conclusão de ensino médio, para quem atingisse determinada nota e ainda não tinha terminado os estudos. Porém, agora essa função voltou para a prova que antes era a responsável por essa validação, o Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja).

Outra mudança na edição deste ano envolve a data da realização da prova, que irá acontecer em dois domingos seguidos. Os dias escolhidas pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) foram 5 e 12 de novembro.

Um dos fatores que motivaram o instituto a modificar o exame para os domingos foi a facilitação para os candidatos sabatistas, que tradicionalmente precisavam esperar até às 19h do sábado para iniciar a prova.

A ordem de aplicação dos conteúdos também foi alterada. Desta vez, no primeiro domingo, dia 5, serão aplicados os exames de Linguagens, Ciências Humanas e Redação, e os candidatos terão 5 horas e 30 minutos para a realização.

Já no segundo dia, 12, os participantes do Enem terão que lidar com as questões das provas de Matemática e Ciências da Natureza, com 4 horas e 30 minutos de duração.

Leia também: Confira seis dicas sobre o que fazer neste último mês antes do Enem

*Com informações da Agência Brasil

Link deste artigo: https://ultimosegundo.ig.com.br/educacao/2017-10-17/enem-universidades-portugal.html