Tamanho do texto

Com menos vagas que o ofertado em 2016, Sistema de Seleção Unificada permite que os candidatos escolham até dois cursos de sua preferência

As inscrições para a segunda edição do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) começam nesta segunda-feira (29) e vão até 1º de junho. As vagas estão disponíveis podem ser consultadas na página do programa . Aqueles que desejaram de inscrever deverão escolher até dois cursos por ordem de preferência e poderão alterar as opções até o final do período de cadastro.

Leia também: Fuvest altera lista de leituras obrigatórias para o vestibular 2018

Também é necessário definir se deseja concorrer no Sisu pelas vagas de ampla concorrência ou pelo sistema de cotas destinadas aos estudantes de escolas públicas e às demais políticas afirmativas das instituições. Diariamente, o Ministério da Educação divulga a nota de corte de cada curso de acordo com as inscrições feitas até aquele momento e a classificação parcial do candidato na opção de curso escolhida.

Sisu terá apenas uma chamada; resultado deverá ser divulgado no dia 5 de junho, segundo o Ministério da Educação
Arquivo/Agência Brasil
Sisu terá apenas uma chamada; resultado deverá ser divulgado no dia 5 de junho, segundo o Ministério da Educação

Leia também: MEC permite que alunos do ensino fundamental tenham aulas à distância

Ao todo serão ofertadas 51.913 vagas em 1.462 cursos de 63 instituições de ensino, entre universidades federais e estaduais, institutos federais e instiuições estaduais. Na comparação com o mesmo período do ano passado, houve redução do número de vagas . No segundo semestre de 2016, foram ofertadas 56.422 vagas em 65 instiuições públicas de ensino superior.

A oferta depende da adesão de instituições públicas de ensino superior , que neste ano ficou aberta até o dia 19 de maio. Neste processo, vale a nota do candidato no Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) 2016. Para participar, os candidatos não podem ter tirado zero na redação do Enem. Ao todo, mais de 6,1 milhões de pessoas fizeram a prova no ano passado.

O Sisu terá somente uma chamada. A divulgação do resultado está prevista para o dia 5 de junho. Nesta data, também será aberta uma lista de espera, que permanece disponível até 19 de junho. As matrículas nas instituições acontecem entre 9 e 13 de junho e a convocação da lista de espera será feita a partir do dia 26 de junho.

Nota de corte

Além de acompanhar as notas de corta divulgadas pelo Ministério da Educação, o candidato também pode consultar, em seu boletim, a classificação parcial na opção de curso escolhido. Nesse boletim de acompanhamento, também é possível acompanhar o resultado final e mudar as opções de curso.

Leia também: Inscritos no Enem podem participar de simulados online gratuitamente

O Ministério da Educação ressalta que, tanto a classificação parcial, quanto a nota de corte do Sisu são calculadas a partir das notas que os estudantes tiraram no Enem e que estão inscritos na mesma opção de curso. Portanto, são apenas referências, não sendo garantia de seleção para a vaga ofertada.

* Com informações da Agência Brasil.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.