Dino

Uma clínica de recuperação para dependentes químicos é um local onde acontece um programa de tratamento ambulatorial para a dependência química, medicamente supervisionado.

Programa, este, que fornece uma variedade de serviços a indivíduos, assim como membros da família que procuram ajuda e apoio envolvendo abuso de substâncias e dependência química.

O tratamento na clínica de recuperação para dependentes químicos é personalizado e orienta cada paciente passo a passo em direção à sua reabilitação.

Neste processo, o paciente não estará sozinho, contando com a ajuda profissional dos colaboradores da clínica de recuperação e também com familiares e amigos.

Esse apoio irá fortalecer a confiança do paciente em si mesmo e, desta forma, conseguirá vencer aos poucos o vício na substância e ter uma vida mais saudável.

É muito comum o estigma que a sociedade coloca em dependentes químicos. Principalmente aqueles que chegaram a um estágio onde passaram a cometer crimes como, pequenos furtos, por exemplo, para sustentarem seu vício.

Mas, em boa parte dos casos, um dependente químico pode ter sofrido traumas relacionados à família, infância ou algum outro motivo particular.

Nenhum colaborador da clínica de recuperação irá julgar qualquer paciente, independentemente de seu passado ou presente. O importante mesmo é ajudá-lo.

Os profissionais, principalmente da área terapêutica, irão querer saber o máximo de detalhes a respeito da dependência química de cada paciente, mas com o único intuito de ajudar. De saber qual a melhor abordagem e programa que irão recuperar o indivíduo da dependência.

Fazer com que o paciente pare de consumir as substâncias que o levaram à dependência é algo fundamental. Porém, isso não é suficiente.

Como a clínica de recuperação para dependentes químicos ajuda na recuperação do paciente

Além de parar de consumir a substância que causa a dependência, o paciente é ensinado e orientado, por meio de consultas terapêuticas e atividades realizadas na clínica, sobre a sua importância na sociedade. Aprende qual o seu valor e como pode colaborar com as demais pessoas, principalmente as mais próximas, como sua família.

Os gerentes de cuidados trabalham com o paciente para avaliar a ampla gama de necessidades que as pessoas que sofrem de dependência podem ter.

Esses mesmos gerentes de cuidados também prestam apoio no tratamento, ajudam a desenvolver habilidades de vida independente e servem como ponto de contato entre o paciente e os outros em seu sistema de apoio médico e social.

Os serviços de aconselhamento individual, familiar e em grupo, são prestados por conselheiros de toxicodependência, licenciados para clientes adultos e adolescentes, com perturbações do uso de substâncias, realizando até mesmo a remoção de emergência.

No caso do Grupo Braços Abertos , o tratamento contínuo é projetado para facilitar o desenvolvimento e aperfeiçoamento das habilidades e ferramentas essenciais para a recuperação de qualidade a longo prazo.

As modalidades incluem tratamento ambulatorial intensivo e ambulatorial tradicional. Ter pessoas assim é libertador e reconfortante quando os dias difíceis chegam.

Os tipos de internação na clínica de recuperação para dependentes químicos

No Brasil, existem 3 tipos de internações regulamentadas por lei. Elas são a internação voluntária , internação involuntária e internação compulsória .

Na internação voluntária o portador do transtorno, seja dependência química, alcoolismo ou qualquer outro, procura o tratamento por conta própria e com base na indicação do médico para internação.

Caso o portador aceite, é encaminhado para internamento em clínica ou unidade terapêutica e, concluindo o tratamento, recebe alta com a orientação da equipe médica, como também tem total liberdade para solicitar a alta durante a internação.

Na internação involuntária , já é o oposto. O portador do transtorno não autoriza sua internação, muitas vezes, por estar incapacitado de tomar alguma decisão. Ou ainda quando não tem a consciência de que está colocando sua vida em risco e/ou a vida de terceiros.

Em tal situação, um médico pode, através de um laudo, utilizar um relatório que justifique internar o paciente contra a vontade dele. É preciso ser comunicado ao ministério público em até 72 horas que existe paciente internado contra a sua vontade e explicar para autoridade o motivo de sua internação.

A internação compulsória é similar a internação involuntária. Ambas acontecem quando o portador do transtorno se recusa a aceitar o tratamento e a internação. Porém, na internação involuntária o responsável pelo paciente precisa autorizar a internação.

Já na internação compulsória, a justiça se responsabiliza e determina que este indivíduo seja internado e aceito pela clínica de recuperação . Este é um meio de proteção ao paciente que tem a necessidade de um tratamento psiquiátrico e não aceita, colocando-se em risco e também a sociedade.

Como foi dito antes, as internações seguem as diretrizes da Lei nº 10.216, de 2001 .

Como a família pode ajudar nesse processo?

Não há dúvidas que a família é parte integrante do processo de reabilitação na clínica de recuperação para dependentes químicos .

E o Grupo Braços Abertos sempre se esforça para respeitar e acomodar a herança cultural, as crenças religiosas e os valores de cada família.

Além de fornecer suporte médico, o Grupo Braços Abertos possui uma rede de suporte robusta para reforçar a confiança de cada paciente à medida que este prossegue em direção ao objetivo importante e alcançável da recuperação.

A família é orientada a interagir com o ente querido, sempre demonstrando empatia e um espírito de equipe. Usando o pronome "nós", no lugar de "você". Por exemplo: "nós vamos conseguir vencer essa dificuldade juntos"! Este tipo de atitude ajuda muito na reabilitação do dependente.

Com a ajuda adequada, juntando profissionais, família e também amigos, a recuperação está a poucos passos de ser alcançada. É por isso que o Grupo Braços Abertos se dedica a tornar uma comunidade mais segura e saudável. Trabalhando em união para fornecer às futuras gerações uma comunidade livre de drogas.

Atendimento: 

WhatsApp: (11) 93744-7594



Website: https://grupobracosabertos.com.br/

    Veja Também

      Mostrar mais