Dino

A saúde dos cabelos é uma preocupação da mulher brasileira, o investimento com o tratamento dos fios abrange diversos segmentos, desde a pintura e corte aos cuidados em casa. Com mais de um milhão de profissionais formalizados na área o segmento de salões de beleza é um dos negócios que mais fatura.

O SEBRAE (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) constatou que entre 2009 e 2016, o mercado de beleza recebeu uma média de 645 mil novos MEIs e mais 26 mil MEs e EPPs.  Mas diante a crise do novo coronavírus com o fechamento dos comércios e estabelecimentos o ramo tornou-se uma das áreas mais afetadas pela pandemia. Durante o período de quatro meses os salões de beleza ficaram de portas fechadas – sem atendimento e sem o funcionamento de qualquer procedimento.

Os profissionais sentiram de forma árdua o efeito da pandemia causada pela COVID-19 “Nunca vivemos um momento como esse, e em tempos assim que precisamos pensar em como contornar a situação para não deixar o negócio quebrar. Por isso, é preciso trazer novidade para continuar mantendo o interesse dos clientes e contornando algumas situações”, explica André Oliveira, CEO e proprietário do salão Studio Ark  e co-founder da linha Ark Line.

A situação vivida nos últimos meses é totalmente atípica e demanda uma atenção especial dos empreendedores do ramo de beleza e cosméticos – diferente de outros negócios como bares e restaurantes os salões não têm opção de delivery para manter o negócio. Sendo assim, os donos de salões de beleza e empreendedores do ramo precisaram se reinventar com produtos que mantêm o interesse do cliente.

Apesar do impacto durante o período de quatro meses fechado, André Oliveira, CEO e proprietário do salão Studio Ark  e co-founder da linha Ark Line organizou o seu tempo livre fazendo testes pensando futuramente para manter a clientela interessada na linha de produtos para alisamento da Ark Line.

Durante a pandemia eles fizeram diversos testes para chegar numa nova fórmula do produto que representa 80% do faturamento da empresa. Deixando a linha para reconstrução térmica totalmente sem cheiro ou ardência nenhuma a estimativa é ter um alcance médio de 30/40 mil clientes novos para a Ark Line com esse lançamento, que acontecerá no mês de agosto em comemoração aos sete anos da marca. “Ele é um produto de qualidade e pode ser usado como consumo em casa ou pelo profissional da beleza nos salões, o que expande o nosso campo de clientes”, ressalta.

Pensando na acessibilidade do cliente:

Outra estratégia da Ark Line para ampliar o público é adaptar as embalagens do novo produto deixando ele mais acessível, “O nosso foco sempre foi trazer praticidade e conquistar a satisfação do cliente, nesse novo Liso Master, sem cheiro e ardência pensamos numa embalagem com um design moderno e com outros tamanhos”, conta André.

A embalagem nova terá três versões: uma, com um litro; a segunda, com 500ml; e a terceira com o tamanho de 100ml, ideal para as pessoas que querem provar o produto, mas não em grande quantidade; e, ainda, para quem precisa levar em uma viagem. "Dessa forma, a cliente tem a acessibilidade de ter, sempre à mão, o seu Liso Master", explica André.

Foco no cliente X Divulgação nas redes sociais: A Ark Line busca ações de expansão, observa a necessidade do cliente e investe na divulgação das redes sociais. Com 121 mil seguidores no Instagram e 624.825 seguidores do Facebook eles mostram os bastidores do produto sendo usado com transparência, fazem promoções e concursos para os seguidores, obtendo assim, um número maior de busca pelo produto.



Website: https://www.arkline.com.br/

    Veja Também

      Mostrar mais