Ministro da Saúde Eduardo Pazuello está otimista
Luciano Belford/Agencia O Dia
Ministro da Saúde Eduardo Pazuello está otimista

Apesar do otimismo do ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, ao dizer que, no melhor dos cenários, o Brasil possa, em caráter emergencial, começar a vacinação em dezembro deste ano ainda com a vacina fabricada pelo laboratório Pfizer, a situação da cidade do Rio de Janeiro é mais delicada do que a dos demais 90 outros municípios do estado.

Na capital, esta semana todos os 288 leitos da prefeitura para casos graves foram ocupados. São 144.641 casos e 13.594 mortes pelo novo coronavírus. Em vista do risco que se corre com a segunda onda de contaminação, que poderá trazer restrições, a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado do Rio de Janeiro (Fecomércio RJ), em parceria com entidades da sociedade civil, vai iniciar uma campanha de conscientização e combate à propagação da Covid-19 nas rádios, mídia impressa, faixa e redes sociais.

APOIO AMPLO

A iniciativa tem o apoio do Governo do Estado, a Associação Comercial do Rio de Janeiro (ACRJ) e os Sindicatos afiliados no interior em todas as 24 regiões de atuação da Federação. A intenção da instituição é reforçar, junto à população fluminense, a importância dos cuidados recomendados pela Organização Mundial da Saúde (OMS), como, por exemplo, uso de máscaras; limpeza das mãos com álcool; evitar aglomerações e manter o distanciamento social; e, dessa forma, contribuir para que não tenhamos que retroceder nas vitórias já alcançadas.

Bandeira de Mello elogia Paes

O candidato à prefeitura do Rio pela Rede, Eduardo Bandeira de Mello, contou o que fará daqui para frente: "Vou planejar meu futuro com calma. Apesar das dificuldades, a experiência valeu a pena. Aprendi muito e fiz muitos amigos. Já voltei para o INEE e vou continuar ajudando os amigos e apoiando as boas causas, não necessariamente como candidato. Acho que o prefeito escolheu alguns nomes muito bons. Vamos torcer para dar certo", diz.

Você viu?

Acionista minoritário

O deputado estadual Gustavo Schmidt é o mais novo acionista da Cedae. Ele adquiriu "uma única ação" da companhia, cedida pela Associação dos Empregados de Nível Universitário da Cedae (Aseac). O parlamentar lidera um movimento contrário à privatização da empresa e vai exercer o direito de participar formalmente da Assembleia que acontece amanhã (11). Mesmo na condição de minoritário, ele terá direito a voto sobre a divisão da Cedae, e sua manifestação ficará registrada em ata.

Política e Direito

O Centro de Estudos e Pesquisas no Ensino do Direito da UERJ reuniu grandes nomes da área e está promovendo um seminário gratuito e on-line sobre direitos humanos esta semana. Ótima oportunidade para quem quer adquirir mais conhecimento em assuntos que envolvem política e justiça. As aulas e debates estão disponíveis no YouTube Ceped Uerj.

Twittadas do Nuno

O governador em exercício, Cláudio Castro, anunciou que destinará ao menos R$ 600 milhões para vacinar a população contra a Covid-19 no ano que vem. Ele também criou um grupo para organizar a vacinação no estado.

A abertura de diálogo entre Paes e Doria sobre a campanha de imunização da Covid-19 acalenta o coração dos cariocas. Paes também se comprometeu com a abertura de novos leitos. Que janeiro venha com renovação e notícias positivas para o Rio.

Triste a realidade dos profissionais da Rede Municipal de saúde. Estima-se que 22 mil estejam com salários atrasados. Precisamos ser a voz dessas pessoas que colocam sua saúde em risco diariamente para cuidar de outras vidas. Será mais uma dívida que o atual prefeito deixará para a próxima administração?

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários