Deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ)
Agência Brasil
Deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ)

Os tempos são outros entre os bolsonaristas mais aguerridos. Nenhum dos filhos do presidente da República se mostrou disposto a defender o deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ), sobre o vídeo boçal de acusações contra ministros do Supremo Tribunal Federal. E a deputada Bia Kicis, que luta para se segurar no comando da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara, teria se manifestado se não fosse o cargo. A constatação no grupo político é que Silveira ultrapassou os limites e agora está sozinho na jaula com os leões de toga.

Daniel não ficou sozinho de fato. Três bolsonaristas apareceram em frente ao Congresso Nacional ontem, durante horas, com faixa pedindo sua libertação. O flagrante foi feito pelo veterano fotógrafo Orlando Brito.


‘Dono’ do PTB, Roberto Jefferson não perdeu tempo. Convidou Silveira, que será expulso do PSL, a se filiar. A oferta é tentadora: lançá-lo ao Senado pelo Rio de Janeiro. Se ele não for condenado.

Você viu?


A caminho

O jornalista bolsonarista Oswaldo Eustáquio está paraplégico após acidente na prisão, onde caiu sobre um vaso sanitário. Segue com tratamento em hospital durante a semana, mesmo com tornozeleira, com esperança de voltar a andar em dois anos.

Eustáquio é outra aposta de Jefferson – que tem levado nomes polêmicos para o partido. Quer ser candidato ao Senado pelo Paraná, e selou isso há meses com o PTB.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários